Indignado

Com voto de Toffoli, STF anula delação premiada de Sergio Cabral, que cita o ministro

Com placar de 7 votos a 4, o Supremo Tribunal Federal invalidou o relato do ex-governador do Rio de Janeiro à Polícia Federal, no qual fala sobre suposto recebimento de repasses ilegais pelo ministro da casa, Dias Toffoli. O ministro, que nega envolvimento, votou pela anulação. A colaboração do ex-governador do Rio foi questionada pela…

 

Com placar de 7 votos a 4, o Supremo Tribunal Federal invalidou o relato do ex-governador do Rio de Janeiro à Polícia Federal, no qual fala sobre suposto recebimento de repasses ilegais pelo ministro da casa, Dias Toffoli. O ministro, que nega envolvimento, votou pela anulação. A colaboração do ex-governador do Rio foi questionada pela PGR por ter sido negociada diretamente com a Polícia Federal, sem a participação do Ministério Público. Jornalista e profissionais do Direito comentam a decisão.

Foto via @JotaInfo


* A Revista Eletrônica DEIXAEUTEFALAR reserva-se o direito de manter integralmente a opinião dos articulistas sem intervenções. No entanto, o conteúdo apresentado na seção "COLUNISTAS" é de inteira responsabilidade de seus autores.

Deixe um comentário