Greve

Comando da Polícia Militar garante policiamento em Porto Velho e no interior do Estado

O reforço foi necessário para suprir a deficiência causada pelo movimento de mobilização das esposas de policiais militares que chegaram a acampar e fecharam alguns quartéis, impedindo a saída de viaturas.

 

O comando-geral da Polícia Militar do Estado de Rondônia se mantém atento à questão da manifestação causada pelas esposas de policiais militares e deixa claro que o policiamento ostensivo em Porto Velho está sendo mantido de forma normal e, ainda com o reforço do Batalhão da Polícia de Choque e a Forças Táticas, visando garantir a ordem e a segurança de toda a população.

O reforço foi necessário para suprir a deficiência causada pelo movimento de mobilização das esposas de policiais militares que chegaram a acampar e fecharam alguns quartéis, impedindo a saída de viaturas.

Nesse sentido, o comando da Polícia Militar enfatiza que em Porto Velho, apenas o 5.º Batalhão de Polícia Militar foi fechado pela manifestação, não havendo prejuízos consideráveis na promoção da segurança pública nas localidades até o momento, visto que na Capital o 1.º BPM, o 9.º BPM, o Batalhão de Polícia de Choque e as Forças Táticas, suprem a deficiência.

E em Jaru, o 7º BPM do Município de Ariquemes supre a necessidade de policiamento na localidade. Ao final do movimento, quem agiu em desacordo com a lei, terá que se explicar perante a mesma.

Em Ji-Paraná, o policiamento desempenhado pelo 2.º BPM foi reforçado com as demais organizações policiais militares da região que estão atuando para garantir a segurança, também nas demais localidades.

O comando da Polícia Militar de Rondônia reitera sua confiança no Governo do Estado, na certeza que se resolverá esse impasse no mais curto prazo, sem prejuízos para a sociedade rondoniense. Ao mesmo tempo, espera contar com a consciência de todos quanto ao respeito de garantir que a Polícia Militar possa desenvolver a missão de proteger a sociedade.


* A Revista Eletrônica DEIXAEUTEFALAR reserva-se o direito de manter integralmente a opinião dos articulistas sem intervenções. No entanto, o conteúdo apresentado na seção "COLUNISTAS" é de inteira responsabilidade de seus autores.

Deixe um comentário