Geral

Departamento de Saneamento Básico e Comissão de Fiscalização do Contrato inauguram transição no descarte de resíduos

Compromisso com políticas ambientais pode moldar positivamente o futuro de Porto Velho

 

Um importante capítulo na gestão de resíduos sólidos foi escrito em Porto Velho na quarta-feira (13). Após, o início do encerramento gradual do lixão municipal, a equipe do Departamento de Saneamento Básico (Desab) e a Comissão de Fiscalização do Contrato se reuniram na Central de Tratamento de Resíduos – CTR Porto Velho (Ecoparque) para uma visita técnica fundamental, que assinalou o início da transição para a disposição adequada dos resíduos sólidos na região.

Esse passo demonstra o compromisso da capital de Rondônia em atender aos requisitos estabelecidos pelo Plano Nacional de Saneamento Básico e pela Política Nacional de Resíduos Sólidos. A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saneamento e Serviços Básicos (Semusb), deu início ao processo de transição para o descarte adequado de resíduos sólidos urbanos, classe II, em aterro sanitário. Isso marca o início do cumprimento dos princípios estabelecidos pela Política Nacional de Resíduos Sólidos, promovendo práticas ambientalmente adequadas, sustentáveis e aprimorando a qualidade de vida dos cidadãos porto-velhenses.

A visita técnica à CTR Porto Velho representa um passo firme em direção a um futuro mais limpo e saudável para Porto Velho. Em tempos de mudanças climáticas e economia circular, a gestão responsável dos resíduos sólidos desempenhará um papel vital na preservação do meio ambiente e na melhoria das condições de vida na cidade. Um exemplo de como o compromisso com políticas ambientais pode moldar positivamente o futuro da capital.

Texto: Semusb
Foto: Semusb


* A Revista Eletrônica DEIXAEUTEFALAR reserva-se o direito de manter integralmente a opinião dos articulistas sem intervenções. No entanto, o conteúdo apresentado na seção "COLUNISTAS" é de inteira responsabilidade de seus autores.

Deixe um comentário