Lei aprovada pela Câmara de Porto Velho é rejeitada no Congresso Nacional
Projeto de Lei

Lei aprovada pela Câmara de Porto Velho é rejeitada no Congresso Nacional

Segundo os deputados uma pessoa armada não irá apresentar o porte para pedir bebida

Publicado em 3 de outubro de 2021

O Projeto de Lei 671/20 foi rejeitado pela Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados durante sessão realizada nesta sexta-feira (1).

De autoria do deputado Celso Sabino (PSDB-PA) o projeto de lei proíbe a venda de bebidas alcoólicas para qualquer pessoa que esteja portando arma de fogo no território nacional.

Segundo os deputados, se uma pessoa estiver armada e sentir vontade de beber não irá apresentar o porte de arma de fogo, além de que a fiscalização precisa ser realizada pelo poder estatal e não pelos donos de bares e restaurantes.

Um projeto de lei semelhante foi aprovado essa semana na Câmara de Vereadores de Porto Velho, de autoria do vereador Isaque Machado (PATRIOTA) o projeto aguarda apenas a sanção do prefeito da cidade, Hildon Chaves (PSDB).

Em Porto Velho a lei foi recebida com certa repulsa pela população, que em sua grande maioria considerou desnecessário o debate dessa pauta no Parlamento Mirim.

Gostou da notícia? Siga o DEIXA EU TE FALAR  no FacebookInstagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias do Brasil e Rondônia.


HostMídia