Antagonismo

Leia a carta aberta lida contra Aras na sessão do Conselho Superior do MPF

Em “carta aberta” lida hoje, o subprocurador-geral da República Nicolao Dino disse que as falas recentes do PGR, Augusto Aras, “alimentam suspeitas e dúvidas na atuação do MPF, inclusive no próprio processo de eleições internas”. “Defender as prerrogativas e os instrumentos de atuação institucional não é sinônimo de corporativismo”, diz o documento.

 

Em “carta aberta” lida hoje, o subprocurador-geral da República Nicolao Dino disse que as falas recentes do PGR, Augusto Aras, “alimentam suspeitas e dúvidas na atuação do MPF, inclusive no próprio processo de eleições internas”. “Defender as prerrogativas e os instrumentos de atuação institucional não é sinônimo de corporativismo”, diz o documento.


* A Revista Eletrônica DEIXAEUTEFALAR reserva-se o direito de manter integralmente a opinião dos articulistas sem intervenções. No entanto, o conteúdo apresentado na seção "COLUNISTAS" é de inteira responsabilidade de seus autores.

Deixe um comentário