Em Cacoal

Pastor da Quadrangular é preso em Cacoal por tentar estuprar fiel

A Polícia Civil de Rondônia prendeu em Cacoal o pastor evangélico Renato Aparecido Castorino, da Igreja Quadrangular. Ele foi condenado por tentativa de estupro de uma fiel, que buscou aconselhamento matrimonial em 2018.

Publicado em 28 de abril de 2021 0

Pastor da Quadrangular é preso em Cacoal por tentar estuprar fiel

De acordo com a denúncia do Ministério Público, a vítima frequentava a igreja junto com seu marido, e por conta de uma crise no casamento, o esposo pediu que o pastor passasse a aconselhar a mulher, que segundo ele, ‘estava em crise’.

De acordo com a denúncia, o pastor Renato passou a tratar a vítima com intimidade. Certa noite, ele chamou a mulher para jantar com o argumento que tratariam de ‘aconselhamento’ e na volta, quando ele deveria deixa-la em casa, pediu que ela sentasse no banco da frente de seu carro e teria dito “eu estou realmente louco por você, tive um sonho fazendo amor com você”.

Ainda de acordo com a denúncia, ato contínuo, o pastor passou a mão na coxa da vítima e pediu-lhe um beijo, o que foi negado por ela. Diante da negativa, Renato a puxou com força e beijou sua boca e pescoço. Após, pediu perdão e foi embora.

Por volta da meia-noite, o denunciado retornou à residência da vítima, utilizando-se da sua força física, passou a beijá-la e acariciá-la sem sua concordância. Em seguida, também valendo-se da força, passou a mão nas partes íntimas de Verônica e friccionou seu pênis contra ela. Após a insistência da vítima para que o denunciado cessasse a conduta, Renato acabou deixando o local.

A vítima, apesar de ser casada, também era menor de idade.

Nas redes sociais, Castorino se apresenta como “Cristão, Esposo, Pai, Amigo, Assessor Parlamentar, Coach em Treinamento, Gestor Público”. Ele trabalhou como assessor do ex-deputado estadual Cleiton Roque e atualmente com o também deputado Cirone Deiró (Podemos), de Cacoal.

 

 

Fonte: Alerta Rondônia

Gostou da notícia? Siga o DEIXA EU TE FALAR  no FacebookInstagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias do Brasil e Rondônia.


HostMídia