Grave

Presidente do Senado teria sido chantageado por marido traído

O senador Davi Alcolumbre teria sido chantageado por um marido traído quando ainda era deputado federal, e a chantagem prosseguiu até quando ele foi eleito ao Senado.

 

A informação foi divulgada neste domingo, 14, em uma coluna de fofocas no Portal Metrópoles, assinada por Léo Dias.

De acordo com a notícia, quando ainda era deputado federal, Alcolumbre caiu numa gravação comprometedora por conta de um amigo desembargador eleitoral do Amapá. O magistrado tinha uma amante e quem fazia, gentilmente, o favor de depositar uma quantia mensal a ela era o então deputado.

A acusação é grave e precisa ser averiguada pela Polícia Federal, afinal, trata-se do presidente do Senado, um dos cargos mais importantes do país.

Davi Alcolumbre ainda não se pronunciou.


* A Revista Eletrônica DEIXAEUTEFALAR reserva-se o direito de manter integralmente a opinião dos articulistas sem intervenções. No entanto, o conteúdo apresentado na seção "COLUNISTAS" é de inteira responsabilidade de seus autores.

Deixe um comentário