Fake News

Publicação de André Valadão sobre TSE é marcada como falsa

O conteúdo oculto apresenta um aviso de “informação falsa”, mas, mesmo assim, continua disponível nas redes sociais.

 

Nesta sexta-feira (21), o Instagram marcou como “informação falsa” a publicação em que o pastor e cantor gospel André Valadão diz que foi intimado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a se retratar por acusações que fez contra o ex-presidente Lula (PT).

Na última quarta-feira (19), o líder da Lagoinha Orlando Church afirmou em um vídeo que foi obrigado pelo ministro Alexandre de Moraes, do TSE, a dizer que o candidato a presidente Lula “não é a favor do aborto, da descriminalização das drogas e de liberar pequenos furtos”.

“Dias atrás, recebi em minha residência uma intimação do TSE, através do senhor Alexandre de Moraes. Venho me declarar, a partir desta intimação, dizendo que Lula não é a favor do aborto (…) Lula não é a favor, literalmente, de colocar uma regulação na mídia onde você vai perder o poder de expressar sua opinião, expressar o seu culto. É isso. Deus abençoe o Brasil”, afirmou.

O conteúdo oculto apresenta um aviso de “informação falsa”, com o comentário “verificadores de fatos independentes afirmam que essa informação não se baseia em fatos”. Mesmo assim, é possível ver o vídeo.


* A Revista Eletrônica DEIXAEUTEFALAR reserva-se o direito de manter integralmente a opinião dos articulistas sem intervenções. No entanto, o conteúdo apresentado na seção "COLUNISTAS" é de inteira responsabilidade de seus autores.

Deixe um comentário